27/01/09

Os óscares! Ia-me esquecendo!

Por acaso passei no Paintbits, e lá estava um artigo todo janota que me pôs a par da coisa.
Em suma, surpreende-me apenas que o tão badalado "The Dark Knight" esteja apenas presente em algumas nomeações... secundárias (passo a expressão). Parece que o super herói conseguiu muito em aspectos como efeitos visuais, maquilhagem, edição de som, etc., mas não o suficiente para candidato a filme do ano. Heath Ledger está presente, como era de esperar, e creio que tudo se compõe sem grandes perturbações. "The Curious Case of Benjamin Button", esse sim está na corrida para filme do ano, e para mais uma carrada de outras nomeações, o que me enerva solenemente pois ainda não vi o raio da película. O nome "WALL.E" também aparece na lista umas quantas vezes, uma delas em "melhor filme animado" e concorre contra "Bolt" e "Kung Fu Panda". O primeiro ainda não vi, e o segundo apesar de dotado de algumas qualidades não o vejo capaz de ficar com a estatueta.
Atiradas as minhas papaias ao ar, é esperar pelos resultados, e começar a ver se ponho as mãos em alguns dos títulos que constam na lista e que ainda não vi. As nomeações para melhor filme de língua estrangeira e curtas, em live action ou animadas, são sempre potes de ouro.

1 comentário:

nakamura_michiyo disse...

A ausencia do Dark Knight das categorias principais surpreendeu-me e, ao mesmo tempo, nem por isso. Acho que é um filme excelente e saltou muito para lá do comum filme de super-heróis, mas mesmo assim nunca acreditei que a Academia fosse nomear para melhor filme. Ainda esperei que o Christopher Nolan recebesse um nod para melhor realizador, mas enfim. Aquela Academia... O Heath Ledger já era demasiado esperado, e acho que vai ganhar.
Já vi o Benjamin Button e gostei bastante, agora não faço é ideia como se compara aos outros porque foi o unico que vi dos nomeados a melhor filme. Para já, ganha o Benjamin porque foi o único que vi lol
Quando à animação, para mim ganha o Wall-E, sem espinhas.
Achei as nomeações deste ano pouco surpreendentes e como tal não tenho assim muito entusiasmo para a gala (o ano passado vi com entusiasmo a puxar pelo Juno, pelo Daniel Day-Lewis, pelo Glen Hansard para melhor canção...), mas mesmo assim... acho que não resisto a ver :)